Publicidade
19/08/2012 - 06h05

Maioria de empreendedores tinha emprego quando começou

FELIPE GUTIERREZ
DE SÃO PAULO

Levantamento do Sebrae revela que 62% dos empreendedores individuais estavam empregados quando decidiram abrir suas empresas -38% contratados e 24% sem carteira assinada.

Entre esses empreendedores pode haver funcionários que precisaram se transformar em pessoa jurídica em empresas que burlam as leis trabalhistas, diz o pesquisador do Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) João Maria de Oliveira.

Para Bruno Quick, gerente de políticas públicas do Sebrae, isso não acontece, porque as categorias em que essa prática é mais comum (como advocacia e medicina) não podem constituir empresa regida pelo Simples.

O pesquisador do Ipea afirma ainda que faltam programas de educação e qualificação para formar empreendedores e que isso é um obstáculo ao programa.

Segundo Mirela Malvestiti, gerente da unidade de capacitação empresarial do Sebrae nacional, desde 2009 já passaram pelos programas específicos para microempreendedores individuais cerca de 1 milhão de pessoas. Há aulas presenciais e on-line.

Os tipos de apoio que fazem mais sucesso são os que auxiliam as vendas (principalmente os que ensinam a determinar preços de produtos) e os que orientam sobre o controle do fluxo de caixa.

 

Publicidade

 
Busca

Busque produtos e serviços


pesquisa

Publicidade

 

Publicidade

 

Publicidade

 

Publicidade

 

Publicidade


Livraria da Folha

Como Identificar um Psicopata

Como Identificar um Psicopata

Kerry Daynes e Jessica Fellowes

Comprar
Alice Através do Espelho

Alice Através do Espelho

Lewis Carroll

Comprar
Economia na Palma da Mão

Economia na Palma da Mão

Carlos Eduardo S. Gonçalves e Bruno Cara Giovannetti

Comprar
Dívida

Dívida

David Graeber

Comprar
Pixel tag