Publicidade
18/02/2013 - 06h02

Confira 4 dicas para evitar disputas nas empresas familiares

DE SÃO PAULO

Para evitar brigas de parentes em empresas familiares, é fundamental que o fundador da companhia prepare pessoalmente o plano de sucessão, diz o consultor de gestão Domingos Ricca, 52. "É preciso cuidar disso nquanto ele estiver vivo ou haverá desgastes", ressalta. "É muito difícil transferir o carisma e a liderança do fundador, então os sucessores precisam ser preparados para isso."

Onda de brasileiros na Disney turbina aluguel por temporada
Empresários testam serviços para ganhar dinheiro com música
Empresas apostam em marketing de propósitos para vender mais

REGRAS POR ESCRITO
Por meio de um estatuto, devem ser estipuladas normas sobre quais familiares podem trabalhar na empresa (é comum vetar os cônjuges dos herdeiros, por exemplo, a não ser que sejam qualificados)

Divulgação
Domingos Ricca, sócio-diretor da Ricca & Associados
Domingos Ricca, sócio-diretor da Ricca & Associados

CADA UM NO SEU LUGAR
Para profissionalizar a gestão, não é essencial contratar alguém de fora. Estipule que tipo de formação os executivos da própria família precisam ter e coloque-os em postos que sejam condizentes

HERDEIRO É SÓCIO
Mesmo que herdeiros não queiram atuar na empresa, devem saber como funciona cada área e os problemas que a companhia tem. Eles podem fazer estágios ou participar de reuniões mensais

OS CABEÇAS
Forme um conselho que determine as regras para quem deseja trabalhar na empresa e tome decisões estratégicas. Esse grupo pode ser formado por familiares e funcionários de confiança

 

Publicidade

 
Busca

Busque produtos e serviços


pesquisa

Publicidade

 

Publicidade

 

Publicidade

 

Publicidade

 

Publicidade


Pixel tag